Postagem idiota

Comentando a postagem “Estudantes querem Flávio Dino presidente do Brasil“, o cidadão Antonio Freitas Muniz, assim se manifestou:

No Brasil de tolos ou de alguns?
Postagem idiotaSempre se falou que nas democracias se tinha um “Quarto Poder”, mas que parece ter sucumbido diante do quinto poder, que são as mídias sociais.

Sem saber quem é Valnei Batista ,mesmo assim quero comentar o poste por ele compartilhado em que traz o título : Estudantes querem “Flavio Dino Presidente do Brasil”! Fazia muito tempo que eu não lia uma postagem mais idiota do que essa que acabo de ler.

E sabem porque eu classifico a nota como idiota: Ora, quem é no restante do Brasil que sabe quem é Flávio Dino para que seu nome granhe projeção ao ponto de que haja um clamor popular para que ele seja presidente?

Em primeiro lugar, quero salientar o fórum em que esse ovacionamento se deu foi na 11ª Bienal da UNE, nesta quinta-feira (7), que está ocorrendo em Salvador , Bahia! Ao longo de décadas essa entidade dominada por comunistas e outros esquerdistas , tem demonstrado uma habilidade impar para que nossa “Pátria” se converta numa democracia nos molde Cubano , Coreano do Norte , Russo ou Bolivariano .

Quem ovacionaria o cidadão Flávio Dino , a não ser a não ser os teleguiados estudantes secundaristas,bitolados nas ideologias do proletariado ?

Quem foi que disse que esses rapazes e essa moças entende de política? Obviamente , que por traz desse cascalho pode ter cobras criadas e com venenos a flor da pele.

A nota diz que o governador do Maranhão foi aplaudido por milhares de estudantes da “UNE” , que aos grito diziam: Queremos Flávio Dino Presidente do Brasil.A 30 anos atrás, quando “Lula” começou a aparecer no cenário nacional , se ouvia esporadicamente _com patrocínio das esquerdas ainda vacilante_ alguém argumentando que ele seria presidente.

E foi! Entretanto, os anos se passaram e “Lula” em quem eu votei em todas as eleições foi eleito presidente, mas segundo Wiliam Waak, Lula transcendeu a tudo o que deveria ser bom e agarrou-se no que havia de pior. As esquerdas , segundo Antonio Gramsci é sempre uma “Utopia”, e por mais que governador do meu estado queira encarnar uma outra realidade , ele não conseguirá .

Pode até ser o o cidadão Flávio Dino tenha sido ovacionado nesse pequeno e minúsculo fórum , mas ainda existe um porem : Falta Unidade das esquerdas : no último domingo, 03 /02/2019 , a ex-candidata a vice presidente , deu o tom de como será o relacionamento deles “Manuela D’ávila”, do Partido Comunista do Brasil,_ do mesmo partido do governador_ fez um relato , atacando seus colegas de esquerda como o PT e o PSOL , acusando este de “Machismo e deslealdade” .

Mesmo decadente,o PT de Jackson Vagner ainda tem o monopólio das esquerdas e é fato que dentre os reunidos da UNE , com certeza muito mais da metade não são do PCdoB. “É evidente que blogueiros e imprensa cooptados pelos “Leões” venham falar do extraordinário discurso que o doutor “ Flávio Dino” tenha feito naqueles “30 anos da Constituição Cidadã, _que por sinal foi bastante desfigurada nesses 30 anos_ e que tenha feito louvores a Democracia e Ativismo Judicial, _judiciário este que tem sido objeto de criticas contumaz!

Esse Fórum, por sinal é dos Mis democráticos possíveis,a começar pelos atores: Guilherme Boulos, Maria Paula Dallari, Emiliano José e Haroldo Lima…Só faltando o mais democrático deles :João Pedro Stedile.

Se dizendo jurista Flávio Dino envergonha a classe – confunde Posse com Propriedade

Flávio dinoManifestando inconformismo com a 2ª condenação do seu parceiro Lula, Flávio Dino declarou no sítio comunista http://www.vermelho.org.br, que “é que necessário ter a posse do imóvel para cometer o delito, o sítio em questão pertence a Fernando Bittar”.

Parece que o governador do Maranhão faltou às aulas de direito civil, confundindo posse com propriedade. Vejamos o que diz a Lei.

SOBRE A POSSE NO CÓDIGO CIVIL

Art. 1.196. Considera-se possuidor todo aquele que tem de fato o exercício, pleno ou não, de algum dos poderes inerentes à propriedade.

Esse artigo do Código Civil trata da Posse de um bem, ou seja, basta que o possuidor aja como se fosse dono da coisa para receber esse status de dono. Basta que ele tenha uma conduta de dono (No caso, Lula agia como se fosse dono do Sítio de Atibáia, como está provado no processo). Aliás, posse de Lula sobre o imóvel era direta, que é quando o possuidor está fisicamente com o bem, inclusive determinando reformas.

SOBRE A PROPRIEDADE NO CÓDIGO CIVIL

Art. 1.228. O proprietário tem a faculdade de usar, gozar e dispor da coisa, e o direito de reavê-la do poder de quem quer que injustamente a possua ou detenha.

Proprietário é aquele que tem a faculdade de usar, gozar, dispor e reaver a coisa. No Caso do Sítio de Atibáia, Fernando Bittar era o real proprietário do imóvel, que funcionado como um “laranja”, passou esses direitos de propriedade para Lula para a concretização do recebimento da propina dada a Lula.

Portanto Sr. Flávio Dino, quem tem a posse de uma coisa obtido de forma permitida pode agir como se proprietário fosse. No caso, o sítio de Atibáia foi usado pela quadrilha para concretizar o pagamento da propina ao chefe da organização criminosa, e posteriormente ser transferido para finalização da empleitda criminosa.

De como Flávio Dino beneficiou o Mateus com 33,33% de redução na base de cálculo do ICMS

Uma rápida leitura da LEI 10.576/2017, que institui o Programa de Incentivo ao  desenvolvimento dos Centros de Distribuição, se percebe o direcionamento  feito para beneficiar o Supermercado Mateus.

Na própria Lei, Flávio Dino deixa escapar o objetivo:
“O programa objetiva constituir no Maranhão
vigoroso polo atacadista, fomentador da geração de emprego e renda em prol do desenvolvimento do Estado”.

Vigoroso atacadista é o Mateus.

A Lei de Dino condiciona um capital social mínimo de R$ 100.000.000,00 (cem milhões de reais) e que gere 500 ou mais empregos diretos. Onde se encaixa o Mateus.

Para o Mateus, Flávio Dino concedeu 33,33% de redução na base de cálculo do ICMS. Agora diz se isso não eleva o Mateus e quebra todos os concorrentes?

Serviçais do comunista aprovam escorchante aumento de impostos

24 deputados estaduais do Maranhão que comem na tábua do comunista Flávio Dino aprovaram nesta quarta-feira (05) mais aumento de impostos a serem pagos pelo povo do Maranhão.

Aprovaram  o Projeto de Lei n° 239/18 de Flávio Dino, que já recebeu o apelido de papa tudo. Como o aumento de impostos, o comunista pretende arrecadar R$ 1.000.000.000,00 (um bilhão de reais).

Votaram a favor

Antonio Pereira (DEM)
Bira do Pindaré (PSB)
Cabo Campos (PEN)
Edivaldo Holanda (PTC)
Edson Araújo (PSB)
Fábio Macedo (PDT)
Franscisca Primo (PCdoB)
Glalbert Cutrim (PDT)
Hemetério Weba (PP)
Júnior Verde (PRB)
Levi Pontes (PCdoB)
Marco Aurélio (PCdoB)
Marcos Caldas (PTB)
Neto Evangelista (DEM)
Paulo Neto (DEM)
Rafael Leitoa (PDT)
Raimundo Cutrim (PCdoB)
Ricardo Rios (SD)
Rogério Cafeteira (DEM)
Sérgio Frota (PR)
Stênio Rezende (DEM)
Valéria Macedo (PDT)
Vinícius Louro (PR)
Zé Inácio (PT)

Votaram contra:

Adriano Sarney (PV)
César Pires (PV),
Léo Cunha (PSC)
Max Barros (PMB)
Nina Melo (MDB)
Roberto Costa (MDB),
Wellington do Curso (PSDB)

Abstenção:

Eduardo Braide (PMN)

Conforme informa o blog do Edgar Ribeiro – “Na sua proposta, o comunista altera de uma lapada só três leis estaduais que compõem o Sistema Tributário do Estado. De início, Dino proíbe quaisquer benefícios ou incentivos fiscais nas operações feitas pelo contribuinte.
– Depois acrescenta ao Sistema Tributário uma nova alíquota de 16,5% nas operações com óleo diesel e biodiesel, acrescentando mais dois 2% . Isso na cadeia final, onde fica o consumidor lasca tudo mundo.
– Tributa refrigerantes em 25%, acrescentando esse item de consumo do povo na alínea “a” do inciso IV, do art. 23, da Lei Estadual Lei nº 7.799/02.
– Cria outra nova alíquota de 28,5% para tributar gasolina; bebidas alcoólicas; cervejas e chopes; bebidas energéticas; embarcações de esporte e de recreação, dentre outros.
– Sobre IPVA atrasado, Flávio mostra a severidade de um ditador comunista – quer:
– Multa de 9,9%
– Juros de Mora pela taxa selic
– Correção monetária
Ampliou as faixas de tributação de aquisições em outros Estados, lascando com os empresários que precisam adquirirem insumos ou produtos em outros estados. Acrescentou uma faixa de 4,10% e outra de 4,30%. Além de todos os impostos que os empresários pagam”.